Hidráulica

O que é pressurizador e quais os principais modelos e tamanhos?

setembro 5, 2020

Quem é que gosta de tomar banho com pouca água ou mesmo lavar a louça com um fluxo fraco, não é mesmo? Tudo fica mais demorado e haja paciência para as tarefas de casa quando a água sai sem força das torneiras e chuveiros. É aí que entra o equipamento que pode resolver o problema. Você sabe o que é pressurizador? Como comprar esse equipamento? Qual modelo e tipo escolher?

É comum ter dúvidas na hora da aquisição. Além disso, alguns fatores podem influenciar na escolha, como quantidade de pontos de uso da residência e até o volume da caixa d’água. Para fazer a melhor escolha, é fundamental se informar sobre esses detalhes importantes.

Neste post, você vai saber um pouco mais sobre o pressurizador. Continue conosco e confira!

O que é pressurizador de água?

O pressurizador é um equipamento para solucionar problemas de pressão de água que resultam em um fluxo fraco. No entanto, é importante ressaltar que a questão só se resolve satisfatoriamente se o consumidor adquirir o modelo de pressurizador adequado para a sua residência.

Na verdade, são equipamentos indicados para locais em que, devido à altura da edificação, a água chega sem força nas saídas de consumo — ocasionando pouca vazão e um fluxo bem fraco.

Como funciona um pressurizador?

O pressurizador pode ser instalado na tubulação interna da residência (tubos que vem da rua), ou na saída de cisternas e caixas d’água. Sua finalidade é garantir que a pressão e vazão de água se mantenham.

O equipamento opera por meio de uma eletrobomba que, mediante um acionamento de um ponto de consumo, desencadeia o funcionamento automático. Isso significa que, ao abrirmos uma torneira ou chuveiro, a bomba é acionada automaticamente, desligando-se após o fechamento da saída — e, principalmente, mantendo a rede pressurizada para o próximo uso.

Além disso, o pressurizador também será necessário no caso de instalação de aquecedor de água à gás, se a pressão de água for fraca.

Como escolher o tamanho e a potência certa?

Como já explicamos no início do post, diversos fatores influenciam na escolha do pressurizador, como o tamanho da caixa, a quantidade de saídas de consumo e o andar da residência (no caso de prédios com vários apartamentos).

Antes de comprar o equipamento, o usuário deve contar as saídas de consumo da casa e somar a vazão de cada uma delas. Depois disso, será necessário fazer o cálculo de todas as saídas do local. Dessa forma, acertará ao comprar esse item para a residência.

Se houver dúvidas, o ponto de vendas onde você vai comprar seu equipamento poderá esclarecê-las e indicar o modelo mais adequado.

Quais os modelos de pressurizadores?

No mercado, existem dois tipos básicos de pressurizadores, cada qual com suas características e indicações. Confira!

Pressurizador com acionador fluxostato

Esse sistema atua detectando o fluxo de água de forma automática, dando início ao funcionamento da bomba.

O pressurizador com acionador fluxostato é indicado para locais onde haja possíveis vazamentos, pois seu sistema detecta apenas o uso continuado da água, não levando em conta a pressão da rede.

Pressurizador com acionador pressostato

Esse tipo de bomba preserva a pressão constante e é acionada sempre que houver uma diminuição na pressão da água na instalação. A vantagem é que sempre que a rede que abastece a caixa sofrer qualquer alteração ela detecta, mantendo-a constante.

Esse tipo de pressurizador é muito usado em situações em que o ponto de consumo está no mesmo nível da caixa d’água, ou acima do reservatório. Sua instalação é sempre junto à bomba d’água.

Agora que você já sabe o que é pressurizador e como ele funciona, é possível avaliar as condições da rede hidráulica da sua casa e ter uma noção se ela é satisfatória ou não. Caso não seja, é só seguir nossas dicas para adquirir um bom equipamento.

Gostou deste post? Acesse nosso site e confira nossas opções de pressurizador!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário