Destaque

Qual é a frequência adequada para fazer a limpeza da caixa d’água?

janeiro 2, 2020

A limpeza do reservatório de água de uma residência é um cuidado essencial para garantir a saúde e o bem-estar dos moradores. Mas será que você tem certeza de qual deve ser a frequência da limpeza de uma caixa d’água? Na verdade, nem todo mundo sabe quando e como realizá-la. Trata-se de uma tarefa simples, podendo ser executada sem dificuldades.

Sem a limpeza adequada e regular, a água pode ser contaminada e ficar imprópria para o consumo. Isso porque podem existir poluentes que se instalam pelas frestas e que entrarão em contato com você e sua família. Por isso, a regra é fazer a limpeza com frequência.

Como a manutenção é uma tarefa simples, neste artigo, você vai aprender como ela pode ser feita. A seguir, entenda quais produtos usar, com que frequência é preciso realizar o procedimento e como efetuar a limpeza da caixa d’água.

Por que limpar a caixa d’água?

Manter a água do reservatório limpa e livre de impurezas é fundamental para a saúde. É imprescindível que se mantenha a qualidade da água consumida em casa. Para isso, é essencial que os cuidados com ela, que será usada nas mais variadas tarefas, comecem pela limpeza frequente da caixa d’água, garantindo a saúde dos moradores.

A principal razão disso é que insetos e microrganismos podem se reproduzir na caixa que armazena a água da casa sem que vejamos — o que pode ser altamente prejudicial. Uma água contaminada representa altos riscos à saúde dos moradores ao consumi-la ou ao utilizá-la para limpar alimentos e, até mesmo, para tomar banho.

Além disso, uma caixa d’água que não passa por manutenção e que tem rachaduras na tampa é um local propício para que o mosquito Aedes aegypti — que transmite dengue, chikungunya e zika vírus — se desenvolva. O recipiente sem cuidados também aumenta o perigo de transmissão de certas doenças, como leptospirose, cólera e febre tifoide.

Qual deve ser a frequência da limpeza de caixa d’água?

A frequência ideal de limpeza é a cada seis meses. Isso porque os resíduos se acumulam no piso e na parede da caixa d’água, além de também ir para as tubulações da residência.

Embora muitas pessoas optem por fazer a manutenção anualmente, o indicado é reduzir essa frequência para duas vezes ao ano. Destaca-se que, se houver regularidade, será mais fácil remover a sujeira acumulada.

Como fazer a limpeza da caixa d’água?

Limpar o reservatório requer uma preparação, no entanto, antes mesmo de começar, dê uma verificada nele. Observe se existe algum dano, como rachaduras ou furos. Faça uma avaliação e, dependendo do estado, talvez seja o caso de trocar a caixa d’água.

Após esse primeiro cuidado e concluir que só necessita mesmo de uma limpeza, comece separando o material que será utilizado. Confira!

Material necessário para a limpeza

Confira o que você precisará para para fazer a manutenção:

  • esponja;
  • balde;
  • água sanitária;
  • panos;
  • vassoura ou esfregão.

Para realizar a limpeza da caixa d’água, é preciso utilizar esponja e escova de fibra macia, para não danificar as paredes da caixa e afetar a qualidade da água. O principal produto químico a ser usado é a água sanitária.

Com isso, é possível fazer a limpeza e a retirada de resíduos do reservatório sem deixar cheiro ou gosto no local. Outros produtos químicos, como sabão e detergente, podem tornar a água imprópria para consumo.

Passo a passo para a limpeza

1. Feche o registro de entrada de água

Para começar, feche o registro situado na entrada da caixa d’água. Se o modelo do reservatório não apresentar esse tipo de saída, feche aquele referente à passagem da água da rua para o imóvel.

2. Desative a boia automática

Após retirar a tampa da caixa, desative a boia — amarrando-a com a ajuda de um pequeno cabo, mantendo-a para cima.

3. Esvazie a caixa d’água

Esvazie o reservatório, cuidando para deixar um palmo de água que será empregado na limpeza. Para isso, abra todas as torneiras da casa e dê descargas. Depois, feche a saída para utilizar a água que reservou para a higienização, bem como para que a sujeira (que geralmente fica no fundo) não desça pelo cano.

Muitas pessoas higienizam seu reservatório de água e se esquecem da tampa. Lembre-se de lavá-la bem por dentro e por fora. Utilize uma vassourinha para isso.

Recomenda-se usar a água que está no reservatório, durante alguns dias, antes de iniciar a limpeza. Dica: Interrompa a entrada de água pela boia, amarrando-a, conforme orientação acima. Acompanhe o nível de água e quando tiver um palmo de água inicie a limpeza.

4. Limpe as paredes da caixa d’água

Para isso, utilize esponja ou uma escova para esfregar bem as paredes do reservatório. Vamos reforçar, aqui, para que não sejam utilizados materiais como detergentes ou outros produtos químicos, pois eles podem contaminar a água.

Observe que, se a caixa for de fibra de vidro e tiver superfícies lisas, o ideal é utilizar uma esponja para higienizar as paredes e o fundo. Se ela for de concreto, o material indicado para essa fase é uma vassoura de piaçava — você deverá esfregar essas superfícies vigorosamente e recolher a sujeira com panos limpos.

5. Retire a água suja

Retire toda a água que restou. Para isso, conte com a ajuda de um balde e panos até que ela seja totalmente removida.

6. Adicione água sanitária

Após toda a sujeira ter sido recolhida, vamos proceder com a desinfecção da água. Para isso, vamos abrir a boia e deixar encher um pouco a caixa com a água da rua ou da cisterna — cerca de 50 centímetros. Após isso, feche novamente a caixa e adicione água sanitária.

Misture um litro de água sanitária para cada mil litros de água. Ou seja, para uma caixa d’água de 500 litros, use meio litro do produto, para uma de dois mil litros, serão necessários dois litros do mesmo.

Essa água deve se manter no reservatório por duas horas. Ela não poderá ser utilizada para nada. Cuide para molhar bem as paredes da caixa com essa solução.

7. Descarte o líquido

Abra o registro de saída, as torneiras e as descargas para que a solução passe pela tubulação. Por fim, volte a encher a caixa d’água. De modo a evitar qualquer resíduo que tenha ficado na tubulação, use a primeira água armazenada para lavar pisos, quintal e roupas.

Quais cuidados tomar com a caixa d’água?

Além dos cuidados citados acima, a caixa d’água deve ser mantida preservada de qualquer animal, insetos e plantas. Nunca coloque alimentos por perto ou materiais que possam oxidar.

Ademais, ela precisa ser muito bem fechada com a tampa apropriada. Não apoie nenhum tipo de peso em cima do reservatório, pois isso pode causar rachaduras e danificar a vedação. Somente com a cobertura intacta o recipiente vai preservar a higiene da água no reservatório.

Agora que você sabe a frequência da limpeza de caixa d’água, fica mais simples colocar em prática as medidas que citamos — garantindo uma água sempre pura e limpa em sua casa. Caso não seja possível que você mesmo faça o serviço, é possível optar pela contratação de profissionais especializados nesse procedimento.

Viu como a limpeza do reservatório é importante? Agora, aproveite e leia o nosso artigo para entender os cuidados que você deve ter ao fazer a instalação da caixa d’água.

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário