Destaque, Hidráulica

Confira 3 dicas para quem quer comprar aquecedor a gás!

junho 11, 2019
Tempo de leitura 3 min



A maioria dos profissionais tem dificuldade na hora de comprar aquecedor a gás. A decisão não é uma das mais fáceis, uma vez que é necessário ter atenção com o tipo de gás, litragem e instalação. A falta de informação é um vilão que impede o sucesso da compra. É imprescindível a consulta a um vendedor técnico no momento da compra.

Pensando nisso, vamos mostrar quais são as características que você deve analisar para acertar na compra do aquecedor. Após a leitura deste artigo perceberá que o processo é mais simples do que parece. Vamos lá?

1. Conheça os modelos de gás e escolha o mais adequado

O item mais importante na hora de comprar aquecedor a gás é descobrir qual o tipo de gás que será utilizado. A compra do aparelho deverá ser de acordo com o gás da região/residência.

Existem dois modelos no Brasil: Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) e Gás Natural (GN). O primeiro, que é conhecido como gás de cozinha, é o mais comum em casas por causa da sua facilidade de abastecimento, utilizando botijões.

O Gás Natural é aquele fornecido por meio de encanamentos oriundos da rua. É encontrado em grandes empresas, alguns apartamentos e postos de combustível. Nas cidades do interior, o fornecimento desse tipo de gás é mais usado pelos negócios locais.

A melhor maneira de descobrir o tipo de gás utilizado em casa ou apartamento é procurar pelo manual da construtora. Caso não encontre essa informação, o mais indicado é fazer a pergunta ao síndico do condomínio ou a distribuidora especializada.

2. Fique atento à litragem

Um dos momentos de mais dúvida em relação a compra do aquecedor de gás é justamente a sua capacidade de funcionamento. Deve-se escolher o equipamento em que você terá certeza que é o suficiente para a residência.

É sempre importante lembrar que a capacidade do aquecedor está ligada diretamente ao tipo de ducha escolhida, então recomendamos que verifique a vazão delas, pois duchas muito potentes dependem de um aquecedor maior.

Um detalhe importante é que, caso o seu cliente more em andares muito altos ou que não tenham pressão de água em casa, é necessário incluir um pressurizador no momento da instalação. Esse aparelho fornece ótimo desempenho com pouco consumo de energia elétrica. É o mais indicado para solucionar problemas de pressão.

A litragem de acordo com a sua necessidade

O litro correto de um modelo depende da necessidade do seu cliente, veja as diferenças (os números abaixo podem variar de acordo com o modelo do chuveiro):

  • 8 litros corresponde a um chuveiro;
  • 10 a 12 litros corresponde a 1 torneira e 1 chuveiro ligados ao mesmo tempo;
  • 22 a 26 litros corresponde a duas duchas com até 10 litros de vazão e duas torneiras;
  • 30 a 37 litros corresponde a três duchas e torneiras, porém as duchas devem ter até 10 litros de vazão.

Outra dica é observar a distância do aquecedor como as duchas e as torneiras. A regra é clara: quanto maior a distância entre o aquecedor e os seus locais de consumo maior será o gasto de temperatura.

3. Compre equipamentos de qualidade

No mercado é possível encontrar diversas marcas de aquecedor e, por isso, é essencial ficar atento nas reputações das empresas e qualidade do material, especialmente quando se trata do kit completo para instalação de aquecedor a gás. Afinal, você quer oferecer os melhores produtos para o seu cliente, não é mesmo?

Percebeu o quanto este texto foi esclarecedor para efetuar uma comprar aquecedor a gás? Então, aproveite a oportunidade e visite agora o mesmo o site da Casa Mimosa, pois lá contém um vasto estoque de aquecedores e acessórios para a sua instalação. Além disso, ela conta com vendedores especializados para tirar suas dúvidas mais técnicas!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário

Scroll Up