Acabamentos

Quais são os tipos de bacias sanitárias e como escolher a ideal?

julho 16, 2019
Tempo de leitura 4 min

A escolha do vaso sanitário requer muito mais atenção do que pode parecer num primeiro momento. Afinal, além das questões de decoração e de orçamento, você deve considerar o local de instalação, o tipo de uso, a sustentabilidade, entre outros fatores.

Pensando nisso, neste post vamos ajudá-lo a entender as diferenças entre os principais tipos de bacias sanitárias e quando escolher este ou aquele modelo. Interessado? Então, acompanhe para conferir!

Os tipos de bacias sanitárias

De maneira geral, modelos de vaso sanitário apresentam variações de consumo de água, maior ou menor dificuldade de manutenção e possibilidades diferentes de instalação. Veja, abaixo, quais são eles:

Bacia sanitária convencional

A mais utilizada de todos os tipos, esta bacia traz vantagens e desvantagens em torno do mesmo aspecto: por ter uma válvula separada, instalada dentro da parede. Por outro lado, dependendo do reparo, exige maior investimento na hora da manutenção. Os modelos novos utilizam menor quantidade de água a cada acionamento.

Bacia com caixa acoplada

Um pouco mais caro do que o anterior, este modelo vem com a caixa integrada, posicionada do lado de fora da parede. Isso barateia o custo de manutenção, por evitar obras a cada conserto, mas exige um espaço maior.

Com um design mais arrojado, em geral, ela também limita o desperdício de água nas descargas, já que mantém uma reserva dentro da caixa. Além disso, costuma vir com duplo acionamento: um botão libera 3 litros d’água para dejetos líquidos, e o outro botão, entre 4,5 e 6 litros para dejetos sólidos. Isso pode gerar uma economia de até 60%.

Bacia suspensa 

A bacia suspensa possui uma saída horizontal. Assim, oferece a possibilidade de instalação em locais onde os outros modelos, com saída para baixo, não seriam a melhor alternativa.

Um bom exemplo são as instalações em subsolos ou outros locais em que o banheiro se localize abaixo do nível da rede púbica de coleta de esgoto, quando os dejetos devem ser enviados para cima (até 15 metros) ou para o lado (até 150 metros). Nesse caso, a opção suspensa — aliada a um equipamento triturador com bomba — é a escolha acertada.

No modelo para PNE permite uma regulagem de altura no momento da instalação, ideal para idosos ou pessoas com deficiência.

Sistema a vácuo

O mais sustentável de todos os tipos de bacias sanitárias, este utiliza apenas 1,2 litro de água para a limpeza, pois se alia a um sistema de pressão que suga os dejetos. Seu custo, porém, é bem mais alto do que os anteriores: além do próprio vaso ser mais caro, a sua instalação precisa de cuidados específicos, com uma estrutura que suporte a pressão. Na Casa Mimosa não comercializamos este produto. 

A escolha do modelo ideal

Agora que vimos algumas características de cada modelo, podemos conferir os fatores que influenciam a escolha da bacia sanitária ideal.

O orçamento do cliente

Uma bacia convencional se enquadra muito mais a um orçamento reduzido do que qualquer outra das opções. No entanto, se o cliente tiver interesse em investir, modelos mais sustentáveis podem ser os preferidos.

O espaço físico do banheiro

Lavabos e banheiros muito pequenos demandam uma instalação mais convencional, dentro da parede. Leve em consideração, também, que o vaso sanitário deve ter um espaço ao redor de, no mínimo, 30 centímetros para o conforto do usuário.

O local onde a bacia será instalada

No subsolo, o mais indicado é usar uma bacia suspensa. Já em situações normais, há maior liberdade.

O usuário final

Compreenda também as necessidades do seu cliente. Se ele é idoso, sugira uma bacia PNE, pela possibilidade de regulagem de altura. Agora, se a sustentabilidade for mais importante, ofereça modelos a vácuo — mas certifique-se de que as instalações hidráulicas sejam compatíveis.

Enfim, viu como os tipos de bacias sanitárias oferecem várias possibilidades? Cada uma tem seu foco e particularidades, por isso, é importante considerar todas antes de escolher.

Gostou da leitura? Então, visite o nosso site para visualizar os diferentes tipos de bacias sanitárias e encontre aquele que se encaixa perfeitamente nas necessidades do seu cliente!

 

Você também pode gostar

2 Comentários

  • Avatar
    Responder Rita Domingues julho 26, 2019 at 7:09 pm

    Informações excelentes..ficariam melhor se viessem com imagens…

    • Casa Mimosa
      Responder Casa Mimosa setembro 11, 2019 at 7:35 pm

      Agradecemos seu feedback, Rita! Continue a acompanhar nossos posts por aqui 😀

    Deixe um comentário

    Scroll Up